O essencial

Ontem me mostraram um blog que falava sobre relacionamento amoroso.  Li um post, achei engraçado, e comecei a ler outros. A medida em que lia, sentia uma certa angústia; as coisas que eram discutidas lá eram reais, mas abordavam apenas um lado do relacionamento: o material. Muito se falava em como se comportar, como se vestir, estilos, traição, correr ou não correr atrás, orgulho, sexo, quem paga a conta no final, etc, etc, etc.

Sim, são coisas presentes no relacionamento e fundamentais que sejam corretamente “administradas” para que a coisa dê certo. Mas não podemos esquecer que a base de tudo não são essas coisas. Há um outro lado: o sentimento. Quando há sentimento, as coisas fluem. Quando nos permitimos ter o sentimento, os pontos materiais apenas seguem o ritmo. O sentimento é a essência, ao meu ver.

E nesse blog pouco se falava da importância desse outro lado. O relacionamento é formado pelo equilíbrio entre os aspectos materiais e o sentimento. 50% de cada.

Enfim, tinham coisas interessantes até, mas a superficialidade me deixou angustiada, como se todos estivessem submetidos a Continuar lendo

Anúncios