Eclipse

Esse é o post #100 do Ermo! Aêêêê! \o/

Um dia, há algum tempo atrás, um amigo veio partilhar uma reflexão que ele fez. Havia uma xícara de café vazia em cima da mesa. Ele então pegou a xícara e a tampou com as mãos. Me perguntou:

“O que tem na xícara?”

Eu, imaginando o que viria a seguir, respondi o óbvio:

“Nada.”

Ele então destampou a xícara, e novamente me perguntou:

“E agora? O que tem na xícara?”

Eu, com o mesmo olhar de “duh”, respondi pacientemente, imaginando o que viria a seguir:

“Nada ainda.” Dei uma risadinha nervosa, afinal eu não consigo ficar séria por muito tempo, hehehe.

Ele então deu um olhar com um certo brilho de “fiz uma descoberta genial”, e me fez a terceira pergunta:

“Qual é a diferença entre a xícara tapada e ela destampada?”

Eu respondi:

“Ahn… É possível ver o que tem na xícara destampada, e na tampada não?”

Finalmente, ele disse: Continuar lendo

Anúncios