A Maldição (óbvia) dos Roriz

Maldição é uma palavra forte, eu sei. Mas é uma boa palavra a ser utilizada nesse contexto, afinal, trata-se de algo que se impregna de tal forma que é difícil de tirar; só com reza braba – ou às vezes nem com isso.

Hoje pela manhã, ao ir andando para a UnB, eis que me deparo com uma faixa pendurada no muro da escola de ensino médio que tem na 606 norte, o CEAN.  Eu estava meio distraída ouvindo minha música enquanto andava que demorei uns segundos pra processar a informação da faixa, a qual eu li inconscientemente.

A revolta foi imediata. Sério, eu fico até sem palavras para expressar… Será que alguém AINDA tem alguma dúvida a respeito dos Roriz e de seus amiguinhos? Depois da cara de pau do Sr. Joaquim ao entrar com recurso contra a ficha-limpa (afinal sua ficha estava mais suja do que tudo e todos sabem disso)? Depois da gracinha do Sr. Joaquim de colocar a Sra. Weslian em uma situação totalmente descabida e inapropriada, fazendo-a passar pelo papel de “mané” e “idiota”? Continuar lendo

Voto limpo?

Oi gente! Hoje temos o prazer de ler um post escrito pela Carol, minha querida amiga dona da loja com os brigadeiros mais gostosos, que se sentiu muito incomodada com uma situação e resolveu desabafar escrevendo.

Quem quiser conhecer os brigadeiros da Cioccolata Di Boaretto, podem seguir o twitter @diboaretto ou acessar o site. 🙂

Brasília, 03 de outubro de 2010. Em pleno dia de eleições, na capital do país, toneladas e mais toneladas de panfletos das campanhas políticas sujam as ruas. Eu não sei vocês, mas eu fiquei muito incomodada.

Senti vergonha de morar aqui. Não só pela sujeira, mas pela indiferença das pessoas em relação à questão. Passear pelas calçadas, repletas de papel, Continuar lendo

Vergonha Alheia

O sentimento de vergonha alheia é um dos piores “sentimentos sociais”, vamos assim dizer. Eu tenho muito isso, e tentarei traduzir para vocês.

Vergonha alheia é o limite máximo da cara de pau (a.k.a falta de senso) do outro que exala e impregna no próximo a ponto do próximo sentir vergonha pela pessoa. Só que é uma cara de pau que tem a intenção de ser levada a sério. Se fosse cara de pau proposital, imagino que nem rolaria vergonha alheia.

Neste momento minha indignação chegou a tal ponto que eu não estou conseguindo organizar minhas idéias e palavras para escrever. Porém eu preciso escrever algo para poder, pelo menos, desabafar um pouco esse sentimento que está impregnado em mim.

O motivo dessa indignação? Ah, se você der uma lida rápida nos 5 posts anteriores, você vai entender. Mas vou facilitar sua vida:

  1. O STF declarar, abertamete, que foi comprado pela corrupção, e ainda dar argumentos CONTRA a lei que assegura a população do impdimento dos corruptos a se elegerem.
  2. Roriz se resignar da candidatura e colocar a ESPOSA dele no lugar faltando uma semana para as eleições (falta de respeito com os eleitores, afinal a campanha foi para o Roriz e não para a Roriza, ela só pegou rebaba).
  3. Wesliam Roriz achar que somos idiotas como ela e se submeter a isso.
  4. Saber que o Brasil estará, nos próximos 4 anos, em sua maior parte (acredito que ainda há esperança em alguém) nas mãos de corruptos e sub-celebridades, pessoas ALTAMENTE (AHAM, SENTA LÁ CLAUDIA!) preparadas para guiar um país inteiro.
  5. Todo mundo achar que “se a vida não deu certo, vou me candidatar, dinheiro fácil, entende”. #corruptosfeelings
  6. A total falta de bom senso dos JUÍZES, aqueles que JULGAM (pra que serve título de eleitor mesmo?)
  7. A política do Brasil chegou a tal ponto que o Tiririca não é a figura de palhaço, ele apenas usa as roupas. Palhaço é Weslian Roriz, Joaquim Roriz, qualquer Roriz que está se candidatando, ministro Gilmar Mendes, etc, afinal eles nos fazem rir com suas aprontações.
  8. Todo mundo acha que o Congresso virou picadeiro.

Agora, se preparem. Se você tem vergonha alheia, meu, respira fundo porque essa é bomba. E se você não tem vergonha alheia, bem… poderá começar a ter!

Continuar lendo

É preciso saber viver

É indignante ver uma coisa dessas: http://migre.me/FCNP

Porque não basta você ser incomodado por pessoas que não tem o menor senso de limite. Não, você ainda tem que ser espancado por uma trupe de animais, afinal de contas se você solicita que parem de incomodar, não te dão ouvidos; daí você se expressa incisivamente, mostrando aborrecimento verbal, e então acham que isso é motivo suficiente para partirem pra cima de você. Ah, e não é um contra um, é sete contra um, afinal são muito covardes para resolverem suas questões sozinhos. Eu disse resolver?? Ah, desculpa, esqueci que animais irracionais não resolvem, partem pra violência.

E o pior de tudo: o grande mobilizador do movimento todo foi o gerente do posto. O GERENTE. A pessoa que deveria ser responsável pelo funcionamento correto do estabelecimento, o responsável por se desculpar com os clientes caso algo os incomode. Afinal, o homem que sofreu a violência mora ao lado do posto, é um provável cliente. Ops, eu disse o pior de tudo?? Ah, quis dizer o melhor de tudo. Continuar lendo