Culpa e Responsabilidade

Confesso que, após algum tempo, estou enferrujado para escrever. Tento melhorar, mas vamos combinar que escrever é uma arte, e como toda arte, necessita ser praticada. Sendo assim, enquanto não melhoro o suficiente, gostaria de compartilhar um texto de Louise L. Hay, uma das fundadoras do que chamamos de auto-ajuda. Um ou outro leitor talvez tenha aquele preconceito, até certo ponto natural, sobre esse estilo de leitura. Eu não quero aqui difundir ou defender nada, entrentando ideias interessantes sempre merecem ser compartilhadas, independente da “taxonomia”.

Uma ótima semana a todos e que o Universo conspire a nosso favor. 😀