Desabafo Político

Hoje eu fui abordada na rua e fizeram uma pesquisa política comigo. Achei engraçado, afinal só o que me ocorreu na mente foi que sempre quando eu via essas pesquisas políticas por aí, eu sempre dizia: “isso é feito apenas com uma parcela pequena da população, não podemos levar isso como lei”.

Bem, pensando na estatística, to começando a perceber a minha responsabilidade em responder essa pesquisa. Afinal, eu to representando uma porção da população brasileira todinha.

E é justamente a porção dos alienados, eu diria – infelizmente.

Sim, hoje eu vi o quanto eu sou uma desleixada-política. Por meio de perguntas simples, eu percebi que estou muito por fora. Nem o número dos candidatos a ser digitado na urna eu saberia dizer com certeza. Se bem que isso é de menos, posso ir atrás de uma cola. Mas esse fato pequeno revela uma grande falta de atenção com um assunto de grande importância.

Confesso que eu fiquei envergonhada comigo mesma. Parte da informação que eu sabia era baseada em generalizações já consolidadas por situações passadas. E a outra parte era baseada nas poucas notícias que eu – superficialmente – li pela internet afora.

Confesso também que a causa desse desinteresse e dessa indiferença (os quais, tenho certeza, atacaram muitos brasileiros) é a transição que está acontecendo na concepção do que é política no Brasil, misturada ao conceito de “eles são todos corruptos” que já virou lei popular.

E a impressão que dá é que os candidatos estão mais preocupados em serem eleitos do que em efetivar suas propostas, as quais teoricamente seriam responsáveis pela melhoria das condições de vida do país. Isso é um problema.

Entretanto, entretanto… minha vergonha própria me fez entender que se alienar é pior; seria como mancomunar com a corrupção.  Entendi também que será impossível eleger o candidato perfeito. Mas também elegendo o menos pior poderemos melhorar o país sim.

Ou não.

HAIUHAIUAHIUAHU!

Pelo menos estaremos fazendo nossa parte com consciência. Isso já é alguma coisa quando nos lembramos da lei natural “a união faz a força”.

Ou açúcar.

#piadinhafail HAUHAUHAUAHUAHUAH!

Apesar das piadinhas, falei sério viu!

Anúncios

3 respostas em “Desabafo Político

  1. Olha Lu, acho que eu estaria nas mesmas condições que você caso fosse entrevistado. Sou super alheio e desanimado com política e vida pública, porque em toda auditoria de entidades que funcionam com recursos públicos ou até em conversas com funcionários públicos eu vejo coisas irregulares que as pessoas já encaram como normais, já está ficando enraizado na cabeça das pessoas que dinheiro público não é de ninguém, já que é de todo mundo.

    Nessas eleições está superdifícil decidir coerentemente em quem votar. Nos dão a responsabilidade de eleger alguém bom, mas não nos dão bons candidatos, como faz? Vou eu virar presidente dessa josta \o/

  2. adorei o que vc disse Lu. dói e é a verdade, e isso acontece não só com vc mas muita gente!
    Então vamos votaaar no meeeeeeenos pior ne? fazer o que. :/

  3. No meu caso não, eu sei exatamente em quem e porque votar.
    Mas o que vc disse é verdade: hj em dia eles só querem se eleger. E essa campanha se transformou em um guerra que a imprensa tomou lado, o que é ridículo pq ela deveria ser imparcial. Existem muitos interesses envolvidos. Ninguém mais fala o que realmente deveria ser falado, do plano de governo, de como levar as relações internacionais, de nada; so se fala mal do candidato oposto… Cansei

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s